Photo by Miriam Höschele on Unsplash

Assédio sexual: 32 fotos e dados para entender o tema

Assédio Sexual: Prevenção e Combate é o nome do curso que o Veduca acaba de lançar, em parceria com a Women Friendly, a primeira start-up da América Latina especializada em certificar empresas e estabelecimentos que trabalham para eliminar o assédio sexual de seus espaços de trabalho e consumo.

As aulas têm como objetivo contribuir para uma mudança cultural que garanta ambientes mais seguros e produtivos para todos. Um dos destaques do curso é a qualidade das informações apresentadas. As sócias do Women Friendly, a jornalista Ana Addobbati e a advogada Nathália Waldow, usam dados de institutos de pesquisa, centros de estudo em questões de trabalho e de gênero e organismos como a ONU, além de elementos da própria legislação brasileira, para explicar o que é assédio sexual, como isso costuma acontecer, os efeitos desse tipo de violência e como é possível prevenir essas ocorrências.  

Para contribuir com o debate sobre o tema e chamar atenção para a relevância do curso, o Blog do Veduca publicou, entre dezembro de 2018 e janeiro de 2019, uma série de posts sobre as definições, as causas e as consequências do assédio em suas variadas formas.

Veja abaixo uma galeria de fotos sobre os diversos aspectos do assédio sexual que o Veduca já abordou em seus posts e clique nos links das legendas para conhecer outras perspectivas sobre o assunto. Incluímos os créditos das fotos mais abaixo.

O que é assédio: Ana Addobbati, fundadora do Women Friendly

Ana Addobbati, Mestre em Marketing e Comunicação e fundadora da Women Friendly: assédio sexual é diferente de elogio ou de paquera e precisa ser combatido, ela diz. Saiba mais no post “O que é assédio sexual e como agir se você for assediada

Olhos de uma mulher: assédio sexual é qualquer movimento de conotação sexual que gere desconforto físico ou psicológico na vítima, segundo definição da ONU.

Mulher segura cartaz com a hashtag do Movimento Me Too: apoio de celebridades foi importante, mas outros fatores explicam o fortalecimento do combate ao assédio sexual nos últimos anos, diz Ana Addobbati, do Women Friendly.

Assédio sexual no Brasil: mulher encostada em uma parede

Garota encostada em um muro: 90% das jovens brasileiras já mudaram algum comportamento por medo de assédio sexual, mostra pesquisa. Saiba mais no post Assédio sexual no Brasil em sete estatísticas impressionantes.

Assédio sexual no Brasil: mulher espera trem

Mulher espera para embarcar em um trem: 22% das brasileiras já sofreram assédio sexual no transporte público, mostra pesquisa do Datafolha.

Assédio nas ruas: Juliana de Faria

Juliana de Faria, fundadora do Think Olga: precisamos começar a levar a sério as dores que as mulheres vivenciam, ela diz. Saiba mais no post Assédio nas ruas deixa marcas e restringe a liberdade da mulher.

Garota empurra uma bicicleta: medo de sofrer assédio sexual leva as mulheres a não experimentarem suas vidas ao máximo, diz Juliana Faria, do Think Olga.

Chega de Fiu Fiu: charge da campanha

Charge da campanha Chega de Fiu Fiu: “coragem é viral”, define a criadora da campanha Juliana de Faria. Leia mais no post Chega de Fiu Fiu: campanha viralizou, pautou o debate e virou filme.

Charge da campanha Chega de Fiu Fiu: desenhos e frases bem-humoradas mostram como o assédio sexual pode ser perturbador – e também ridículo.

Charge da campanha Chega de Fiu Fiu: mobilização foi fundamental para que a Lei da Importunação Sexual fosse aprovada, em 2018, diz Juliana de Faria.

Assédio no trabalho: Dra. Sofia Vilela Moraes e Silva

Sofia Vilela Moraes e Silva, procuradora do Ministério Público do Trabalho: o agressor muitas vezes age em série e precisa ser detido, ela diz. Saiba mais no post Assédio sexual no trabalho: como a Justiça lida com o tema.

Foto: Mariordo (Mario Roberto Durán Ortiz)

Escultura que representa a Justiça, na Praça dos Três Poderes, em Brasília: combate ao assédio sexual está ganhando força, diz Sofia Vilela Moraes e Silva, procuradora do Ministério Público do Trabalho.

Nathália Waldow, advogada e sócia da Women Friendly: entrada em vigor da Lei da Importunação Sexual atualizou a legislação brasileira sobre o tema, mas tão importante quanto a existência de regras que tipifiquem melhor o assédio sexual é que elas de fato sejam cumpridas, afirma Waldow. Saiba mais no post Legislação sobre assédio melhorou, mas cumprimento é falho.

Legislação sobre assédio sexual: Delegacia de Polícia de Defesa da Mulher, em Campinas

Delegacia de Defesa da Mulher, na região de Campinas (SP): atendimento precário a vítimas de assédio sexual em delegacias comuns frequentemente desencoraja a denúncia, diz Nathália Waldow, da Women Friendly.

Machismo e assédio: parede com mensagens "GRL PWR"

Parede com a mensagem “Girl Power”: a raiz do assédio sexual e da dificuldade para combatê-lo nas instituições públicas encontra-se no machismo, diz Nathália Waldow. Saiba mais no post Instituições têm que mudar para combater abusos.

Machismo e assédio: ônibus no Rio de Janeiro. Autor da foto: Eduardo P, no WikiMedia

Ônibus circulando no Rio de Janeiro: passageiros do transporte público podem ajudar a denunciar assédio sexual nos coletivos e mostrar que a sociedade não tolera mais abusos às mulheres, diz Nathália Waldow.

Primeiro Assédio: meninas na água

Crianças brincam na água: garotas com menos de dez anos já sofrem assédio sexual, mostram depoimentos dados à campanha Primeiro Assédio. Leia mais no post Campanha mostrou que abusos começam cedo.

Casos e assédio: Atriz Alyssa Milano

A atriz Alyssa Milano, uma das vozes mais fortes da campanha Me Too, dá entrevista: denúncias em Hollywood tiveram repercussão mundial. Leia mais no post Casos de assédio: três histórias que trouxeram comoção e mudanças.

Casos de assédio: Lady Gaga

Lady Gaga chega a um evento: cantora foi uma das celebridades que apoiaram o movimento de atrizes, diretoras e produtoras de cinema pelo combate ao assédio sexual, por meio de campanhas como a Me Too.

Casos de assédio: logo do Google

Logo do Google sobre um prédio: depois de uma manifestação global de funcionários contra a postura da empresa frente a acusações de assédio sexual em suas equipes, a gigante tecnológica anunciou medidas para lidar com o tema .

Assédio sexual na infância: professor Hélio Deliberador

Professor Hélio Deliberador, do Departamento de Psicologia Social da PUC-SP: assédio sexual a crianças e adolescentes não tem a ver com carinho, mas com demonstração de poder, ele diz. Leia mais no post Proteger as crianças do assédio é tarefa de toda a sociedade.

Assédio sexual na infância: criança segura um boneco de pirata

Criança segura um boneco de pirata: assédio sexual a crianças e adolescentes acontece, na maioria das vezes, no próprio ambiente familiar, diz o professor Hélio Deliberador.

Proteger as crianças: menino brinca em tanque de areia

Menino brinca em tanque de areia: “É no laboratório da vida que a gente previne situações de assédio sexual”, diz Hélio Deliberador. Para ele, diálogo e confiança estimulam que as crianças busquem ajuda e reportem problemas.

Nayara Teixeira Magalhães, pesquisadora de questões de Justiça e gênero: sociedade precisa discutir por que tantas vítimas de abuso guardam segredo por tanto tempo, ela diz. Leia mais no post Caso João de Deus: por que acusações de assédio vêm em ondas?

Caso João de Deus: silhueta de uma mullher

Sombra da cabeça de uma mulher: vítimas de assédio sexual podem levar anos para denunciar a violência porque sentem culpa pelo que passaram e medo de serem desacreditadas, diz Nayara Teixeira Magalhães.

Assédio na balada: Coquetel Molotov

Multidão no festival Coquetel Molotov, no Recife: organizadores tomaram medidas contra o assédio sexual em shows. Leia mais no post Assédio na balada: conheça a festa que eliminou os abusos.

Proteção é essencial: empresas estão descobrindo que evitar a cultura do assédio sexual ajuda a preservar a credibilidade e as finanças da companhia, afirma Ana Cristina Limongi, professora titular da FEA-USP. Leia mais no post Assédio sexual nas empresas: prevenção virou tema estratégico.

Assédio sexual nas empresas

Prédio de escritórios: companhias estão na fase do susto, com relação ao combate ao assédio sexual, mas precisam entrar na fase do acolhimento à vítima e da prevenção, diz Ana Cristina Limongi, da FEA-USP.

Medidas contra o assédio: entrada de um edifício comercial

Fachada de prédio de escritórios: para um ambiente seguro, é preciso ouvir as mulheres e criar condições para que elas liderem a discussão, diz Ana Addobbati. Leia mais no post Medidas contra o assédio: o que as empresas podem fazer.

Canal de denúncias: mulher olhando para o celular

Mulher usa um celular: ouvidoria efetiva e RH bem-preparado são essenciais para banir os abusos nas empresas, dizem especialistas. Leia mais no post Canal de denúncias contra o assédio precisa ser para valer.

Assédio na universidade: escultura na FEA-USP

Escultura de Tomie Ohtake no jardim da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da USP: escola convidou funcionários, professores e alunos a debater o assédio sexual. Saiba mais no post Assédio na universidade: FEA-USP cria programa de prevenção.

Escadas da Faculdade de Medicina da USP: pesquisa mostrou que 43% dos alunos sofreram algum tipo de assédio ou discriminação sexual na vida acadêmica.

Vídeo explica a abordagem do curso online Assédio Sexual: Prevenção e Combate, disponível no Veduca: conceitos, práticas e depoimentos ajudam pessoas e empresas a entender melhor o que é assédio sexual, por que esse tema é relevante e como lidar com esse problema.

Quer conhecer outros dados e aspectos do assédio sexual no Brasil e no mundo?

Veja a seguir algumas das reportagens e vídeos que o Blog do Veduca já compartilhou sobre o assunto. 

  • A Organização Internacional do Trabalho (OIT), ligada à ONU, e o Ministério Público do Trabalho (MPT) criaram uma série de vídeos para esclarecer o que é assédio. Veja alguns abaixo.

  • A TV Brasil levou ao ar um abrangente debate sobre o que é assédio sexual no trabalho, com entrevistas com especialistas no assunto, definições sobre o que é assédio e depoimentos de vítimas do assédio.

  • O vídeo abaixo, publicado pelo site do jornal O Estado de S. Paulo, traz depoimentos de mulheres que sofreram assédio sexual. Elas revelam, entre outras coisas, que às vezes é difícil se dar conta de que atitudes mais sutis de assédio também precisam ser identificadas e combatidas.

  • Esta matéria bem abrangente da Katia Machado, no site EcoDebates, mostra que alguns tipos de agressão contras mulheres, como o feminicídio, aumentaram, segundo o Mapa da Violência 2018. Para muitos pesquisadores, violência doméstica, assédio sexual e feminicídio têm a mesma raiz, o machismo da sociedade.
  • O vídeo abaixo, produzido por alunas da Escola de Comunicação e Artes da USP, reúne relatos de assédio sexual na universidade, na voz de alunas e pesquisadoras.

  • A Rede Marista do Paraná criou uma série de animações voltadas ao público infantil, para facilitar o diálogo das crianças com pais e professores sobre como se proteger do assédio sexual. Veja os vídeos abaixo.

  • No vídeo abaixo, da plataforma TED, uma das primeiras pesquisadoras do tema da violência contra a mulher na Argentina, Inés Hercovich, explica por que muitas vítimas de estupro ou de assédio sexual deixam de denunciar as agressões.

Créditos das fotos:

  • Foto da chamada (mulheres com braços levantados): Photo by Miriam Höschele on Unsplash
  • Ana Addobbati: foto de acervo pessoal
  • Olhos de uma mulher: foto de Luis Galvez no Unsplash
  • Garota encostada em um muro: foto de Eric Ward no site Unsplash
  • Mulher espera trem: foto de Eutah Mizushima no site Unsplash
  • Mulher com cartaz do Me Too: foto de Mihai Surdu no site Unsplash
  • Juliana de Faria: foto de acervo pessoal
  • Estátua da Justiça: foto de Mariordo (Mario Roberto Durán Ortiz), no Wiki Images
  • Sofia Vilela Moraes e Silva: foto de acervo pessoal
  • Delegacia da Mulher: foto de Alexandre Carvalho/A2img
  • Nathália Waldow: foto de acervo pessoal
  • Muro com a mensagem “Girl Power”: foto de Arièle Bonte no Unsplash
  • Ônibus em rua do Rio de Janeiro: foto de Eduardo P, no WikiMedia
  • Crianças brincando na água: foto de delfi de la Rua no Unsplash
  • Alyssa Milano: foto de WrestlefnLI, no English Wikipedia
  • Lady Gaga: foto de Lee Chu no Flicker
  • Logo do Google sobre um prédio: Pawel Czerwinski no Unsplash
  • Criança segurando boneco de pirata: foto de Markus Spiske no Unsplash
  • Sombra de uma mulher: foto de Kevin Jesus Horacio no Unsplash
  • Nayara Teixeira: foto de acervo pessoal
  • Criança brincando em tanque de areia: foto de Davidson Luna no Unsplash
  • Hélio Deliberador: foto de acervo pessoal
  • Show no festival Coquetel Molotov: Divulgação/Coquetel Molotov
  • Prédio de escritórios: John Salvino no Unsplash
  • Guarda chuva: foto de rawpixel no Unsplash
  • Mulher segurando celular: foto de Paul Hanaoka no Unsplash
  • Escultura de Tomie Ohtake na FEA-USP: foto de Mike Peel no Wikimedia Commons
  • Escadaria da Faculdade de Medicina da USP: foto de José Antonio Zagato no Wikimedia Commons

Compartilhe este post:

Sem comentários